Carregando...

Blog

Bolinhas vermelhas e coceira são sintomas de urticária

15/12/2016

Bolinhas vermelhas e coceira são dois sintomas muito comuns de crianças com urticária. Até a porquinha mais famosa do mundo, a Peppa Pig, já precisou consultar-se com um médico para descobrir o que eram as pintas vermelhas no rosto em um episódio do desenho.

Em uma avaliação clínica rápida e simples, o Dr. Urso Marrom já dá o diagnóstico: “Não é nada sério, a Peppa só está com urticária.” A doença é uma reação que surge na pele devido a uma alergia alimentar ou a medicamento, semelhante a uma picada de mosquito. Outros fatores que provocam o aparecimento das lesões são infecções bacterianas ou virais, muito comuns em crianças, o frio, o calor, a exposição excessiva da pele ao sol, o contato com a água, o suor, cheiros fortes(dedetização, produtos de limpeza, tinta) e a fricção ou pressão sobre a pele.

Na Peppa, as manchas vermelhas surgiram no rosto, mas podem aparecer em todo o corpo, sumir em até 24 horas e ressurgir em outra área do corpo, exceto nas palmas das mãos e nas plantas dos pés. Em alguns casos, as lesões podem levar dias ou semanas para desaparecer. Em outros, o problema pode perdurar por anos.

O que fazer para que a urticária desapareça

As recomendações do Dr. Urso Marrom para Peppa foram tomar um remédio e ficar de cama. Os medicamentos ajudam a aliviar os sintomas, mas devem ser prescritos por um médico e usados conforme a orientação. A maior parte deles são antialérgicos orais.

A interrupção dos remédios antes do prazo recomendado pode provocar o retorno da urticária. O Dr. Urso não indicou para Peppa o uso de qualquer creme, pomada, álcool ou produto para passar na pele porque podem prejudicar mais do que ajudar. Esse, aliás, é um alerta importante! Antes e até mesmo depois do diagnóstico de urticária ser feito, não se deve tentar cuidar das lesões com automedicação ou qualquer outro produto. A condição da criança deve, primeiro, ser avaliada pela dermatopediatra para, depois, ser tratada adequadamente.

Nem sempre o repouso é necessário. Um cuidado que faz a diferença é evitar que a criança coce as lesões para não aumentar a reação alérgica. O melhor é vestir a criança com urticária com roupas de algodão e que não sejam apertadas, deixar ela com pouca roupa para não esquentar mais a pele e aumentar a coceira.

Desde medicamentos a alimentos e outras doenças podem ser responsáveis pelo desenvolvimento de lesões na pele e pela coceira. A urticária não se transmite de pessoa para pessoa, para a alegria da Peppa que, mesmo doente, pode receber a visita dos amigos. Também não deixa marcas no corpo. Há casos, ainda, em que bolinhas vermelhas e coceira surgem como sinal de estresse ou ansiedade.

Voltar