Carregando...

Doenças
de pele

Dermatite seborreica

A dermatite seborreica é uma inflamação na pele que causa, principalmente, descamação e vermelhidão em algumas áreas da face. Os locais mais atingidos são as sobrancelhas e os cantos do nariz, além do couro cabeludo e das orelhas. A dermatite seborreica é uma doença crônica, com períodos de melhora e piora dos sintomas.

As causas do problema ainda não são totalmente conhecidas, e a inflamação pode ter origem genética ou ser desencadeada por agentes externos, como:

  • alergias;
  • situações de fadiga;
  • estresse emocional;
  • baixa temperatura;
  • medicamentos;
  • e excesso de oleosidade na pele.

A presença do fungo Pityrosporum ovale também pode provocar a doença. Já a dermatite seborreica em recém-nascidos, conhecida como crosta láctea, é uma condição inofensiva e temporária, na qual aparecem cascas grossas, de cor amarela ou marrom, sobre o couro cabeludo da criança. Escamas semelhantes também podem ser encontradas:

  • nas pálpebras;
  • nas orelhas;
  • ao redor do nariz;
  • na virilha.

A doença não é contagiosa e não é causada por falta de higiene. Também não é uma alergia e tampouco perigosa. Pode surgir tanto em adultos quanto em crianças.

Sintomas da dermatite seborreica

De forma geral, os sintomas da dermatite seborreica são:

  • oleosidade na pele e no couro cabeludo;
  • escamas brancas que descamam (caspa);
  • escamas amareladas que são oleosas e ardem;
  • coceira, que pode piorar, caso a área seja infectada pelo ato de “cutucar” a pele;
  • leve vermelhidão na área;
  • possível perda de cabelo.

Esta dermatite pode ocorrer em diversas áreas do corpo. Mas, como já dito, normalmente, se forma onde a pele é oleosa ou gordurosa, como couro cabeludo, sobrancelhas, pálpebras, vincos do nariz, lábios, atrás das orelhas e tórax.

Tratamento para a dermatite seborreica

O diagnóstico da dermatite seborreica é feito clinicamente por um dermatologista, em adultos, e por um dermatopediatra, em crianças, que irá se basear na localização das lesões e no relato do paciente. Em alguns casos, é necessária a realização de alguns exames clínicos, como o micológico, a biópsia e o teste de contato.

O tratamento precoce das crises é muito importante e pode envolver as seguintes medidas:

  • lavagens mais frequentes;
  • interrupção do uso de sprays, pomadas e géis para o cabelo;
  • o não uso de chapéus ou bonés;
  • o uso de xampus que contenham ácido salicílico, alcatrão, selênio, enxofre, zinco e antifúngicos;
  • o uso de cremes/pomadas também com antifúngicos e, eventualmente, com corticosteroide, dentre outros especificados pelo dermatologista.

Como prevenir a dermatite seborreica nas crianças

Não existe uma forma de prevenir o desenvolvimento ou o reaparecimento da dermatite seborreica. Entretanto, cuidados especiais com a higiene e o uso de xampu adequado ao tipo de cabelo das crianças tornam o tratamento mais fácil. É necessário seguir o  tratamento correto e evitar os agentes desencadeadores do problema.

Além disso, conhecer algumas informações e cuidados podem ajudar na melhora dos sintomas:

  • a doença evolui por períodos. Isto significa que, em certas temporadas, a criança estará bem, mas em outros momentos, encontrar-se-á pior e será necessário ter paciência;
  • nos momentos de maior estresse, é provável que a condição piore. Caso isso ocorra, procure perceber a causa da ansiedade e ajude a criança a relaxar;
  • proteja a face, caso note que há piora com o tempo frio;
  • para melhorar e evitar que surjam novas lesões na face da criança, deve-se aplicar diariamente um creme hidratante que não seja oleoso;
  • no tratamento para as lesões da pele, siga atentamente as instruções do dermatopediatra. Faça-o exatamente como o médico recomendou;
  • evitar banhos muito quentes;
  • enxugar bem o corpo da criança antes de vesti-la;
  • usar roupas que não retenham o suor (tecidos sintéticos costumam ser contraindicados para as crianças que têm tendência à dermatite seborreica);
  • retirar completamente o xampu e o condicionador dos cabelos quando lavar a cabeça.

Voltar

Solicitar Consulta

Para solicitar um agendamento de consulta, preencha
o formulário abaixo que logo entraremos em contato.