Blog

4 cuidados essenciais para o verão

04/12/2018

É só chegar o verão que todo mundo fica mais animado. As férias se iniciam e junto com elas vem uma série de atrações relaxantes para desfrutar. No entanto, quando não nos preocupamos com a saúde, um momento de lazer pode acabar se tornando um verdadeiro desastre.

Por isso é tão importante adotar algumas medidas preventivas, para que o verão seja leve e divertido para as crianças, como deve ser. Anote:

Dicas importantes para se cuidar no verão

Siga essa lista com dicas para aproveitar o verão e cuidar da sua saúde ao mesmo tempo. São ações simples, mas que fazem uma enorme diferença na saúde da pele das crianças:

  1. Hidratação: água e alimentos importantes

No verão, a ingestão de líquidos deve ser redobrada. Água, sucos, chás e água de coco estão na lista dos itens mais essenciais para a hidratação. Aproveite também para estimular n as crianças o consumo de frutas com bastante água, pois ajudam a hidratar o organismo, além de serem ricas em nutrientes.

Alguns alimentos podem ser fundamentais para prevenir os danos que o sol pode causar à pele. Ricos em carotenóides, uma substância de ação antioxidante, esses alimentos devem estar incluídos na dieta: mamão, maçã, abóbora, cenoura e beterraba.

Na alimentação, pode-se incluir ainda alimentos crus e aqueles com baixos carboidratos, o que também auxilia na prevenção de doenças, além de hidratar o corpo.

  1. Cuide da pele

Além do aumento da ingestão de líquidos, é importante cuidar da hidratação da pele, principalmente após o banho.

Aplicar um hidratante após o banho na criança, de preferência recomendado pelo dermatologista, ajuda a manter a quantidade adequada de água na pele.

Durante o banho, utilize sabonetes adequados, sem excesso e aproveite um banho gelado para evitar o ressecamento da pele. É sempre importante que a criança tome um banho após entrar no mar ou na piscina.

  1. Não esqueça o protetor solar

O uso de filtro solar é indicado para uso diário e em qualquer época do ano. Entretanto, durante o verão esse hábito deve ser ainda mais intenso, embora as crianças muitas vezes sejam resistentes.

Por isso, é importante insistir ou optar por versões em spray de protetor solar, pois facilita a aplicação. Veja algumas informações importantes sobre o uso de filtro solar:

  • deve ser aplicado diariamente, 30 minutos antes da exposição solar para maior absorção;
  • para aplicar corretamente, distribua o protetor de maneira uniforme, em todas as partes do corpo, não se esquecendo da nuca, orelhas, pés e mãos;
  • é fundamental repassar o protetor solar a cada duas horas, se não houver contato com a água;
  • verifique o fator de proteção solar (FPS), alguns são indicados tanto para o uso diário, quanto para a exposição mais extensa ao sol, ou seja, na praia, em clubes, pescas ou exercícios ao ar livre.

É importante ressaltar que o uso de filtro solar em crianças deve ser iniciado a partir dos seis meses de idade, com a exigência de um produto adequado para a idade e peles sensíveis.

Consulte um dermatopediatra para indicações mais precisas de produtos e uso correto para cada criança.

  1. Abuse de roupas e acessórios que protejam do sol

Para evitar as altas temperaturas e incidência do sol, não se esqueça de vestir as crianças com roupas e acessórios que os protejam da radiação UV.

Utilize roupas de algodão e evite vestimentas de nylon, que protegem menos. Além disso, utilize guarda-sol na praia, de preferência os feitos de algodão ou lona, que absorvem 50% da radiação UV.

O uso de óculos de sol previne lesões nos olhos e os chapéus e bonés proporcionam uma sombra maior para o rosto.

Evite problemas na pele durante o verão

Os cuidados com a pele durante o verão são essenciais para evitar alguns problemas de pele, que podem ser decorrentes da combinação de areia, praia, piscina, sol e excesso de suor.

Saiba quais são os principais problemas:

  • brotoejas: bolinhas avermelhadas que surgem pelo contato da pele com o suor;
  • micoses: infecções causadas por fungos que tendem a aparecer pela umidade, calor e baixa imunidade;
  • acne solar: se dá pela junção do aumento da oleosidade da pele, suor excessivo, uso do filtro solar e incidência solar;
  • sardas brancas e manchas: são danos causados pelos raios solares, que aparecem gradativamente em áreas mais expostas da pele, como rosto, ombros, colo e dorso das mãos e braços.

Voltar